segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Disco Inédito de Vicente Celestino



Muito tem falado, pesquisado e nunca encontrado - ao menos na internet - nada concernente à discografia completa dos cantores da Velha Guarda, em especial àqueles cujos primórdios são de pelo menos 100 anos atrás.
No caso do Vicente Celestino (1894-1968), é quase unânime que sua carreira tenha se resumido em apenas 3 gravadoras:

1 - Casa Edison (Odeon) - de 1915, com o disco "Flor do Mal" e "Os Que Soffrem" até 1929:
2 - Columbia - de 1930 a 1935;
3 - RCA Victor - de 1935 até seu falecimento em 1968.

Há uns dois anos comprei um lote de discos mecânicos, em sua maioria da Casa Edison e, eis que vem no meio dois discos que são bastante raros - e um deles me chamou a atenção: um disco do selo "Popular" do filho de Chiquinha Gonzaga, o João Gonzaga - o mesmo que Francisco Alves havia gravado sua primeira música (O Pé de Anjo, 1919) com Vicente Celestino !!!

Será esse um disco não catalogado? Na relação apresentada no site da Colector's, apenas uma das músicas aparece na relação, mas possivelmente seria uma gravação da Casa Edison ("O Bem-Te-Vi"). Mesmo assim, sem as reticências (O Bem-Te-Vi...).

 DSC01009.jpg   DSC01012.jpg

Disco Popular -
Lado 1 - "O Beijo Fatal" - Canção (Nº 2000)              Lado 2 - "O Bem-te-Vi..." - Canção (Nº 2001)

    DSC01011.jpg 

   DSC01013.jpg

 DSC01014.jpg

Caso alguém tenha novidades ou notícias sobre mais possíveis gravações do Vicente Celestino pela "Popular", contacte-nos.

            

Um comentário:

  1. Que laegal, um disco "perdido", até então, do Vicente Celestino!!! Disponibilizas as gravações? Existe um link para que se possa baixar as músicas? Abraço!!!

    ResponderExcluir